Cidades brasileiras registram panelaço contra Bolsonaro pelo oitavo dia seguido

Presidente fez pronunciamento no rádio e televisão.

Leia também:

Governo do Paraná decide manter comércio fechado por mais dez dias

Cidades do Oeste foram na contramão das decisões do governador.

Estados Unidos aprovam tratamento promissor contra o coronavírus

Tratamento usará sangue de quem já foi curado da doença.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foi alvo de panelaço pelo oitavo dia seguido nesta terça-feira (24).

O protesto ocorreu durante pronunciamento do presidente a respeito do coronavírus, em bairros de São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Brasília e Curitiba.

Os atos têm sido convocado em redes sociais desde a última terça-feira (17), impulsionados pela reação de Bolsonaro à pandemia, que afetou a rotina de milhões de brasileiros e deve ter duro impacto na economia.

Na última sexta-feira (20), Bolsonaro disse que não está preocupado com os panelaços. “Eu não estou preocupado com o panelaço. Eu estou preocupado com o vírus, com a saúde, com o emprego do povo brasileiro”, afirmou. “Qualquer panelaço, qualquer coisa que venha a acontecer é manifestação democrática. Toca o barco.”

SÃO PAULO

RIO DE JANEIRO

SALVADOR

FORTALEZA

BRASÍLIA

CURITIBA

Assine nossa Newsletter

Receba diariamente as principais notícias do Paraná e do Brasil.

Comentários

#Face24H

- Publicidade -