- Publicidade -
- Publicidade -

Mãe norte-coreana pode ser presa por não salvar quadros da família Kim em incêndio

Ela deixou os quadros ao tirar os dois filhos das chamas.

Leia também:

Silvio Santos se envolve em processo de paternidade, e pode ser pai novamente

O apresentador Silvio Santos, também dono do SBT (Sistema Nacional de Televisão) poderá ser papai novamente.

Vítimas de acidente com cinco mortos na BR-277 eram da mesma família

Carro aquaplanou e bateu de frente com ônibus no trecho entre Palmeira e Irati.
Redaçãohttps://www.24horas.com.br
Reportagens da Redação 24Horas
- Publicidade -

Gazeta do Povo

Uma mãe que salvou seus dois filhos de um incêndio na Coreia do Norte pode ser presa por não ter conseguido também salvar das chamas os retratos da família Kim. Como punição, ela enfrenta dificuldades para conseguir antibióticos para tratamento das crianças.

Segundo o site de notícias coreano Daily NK, a mulher está atualmente sob investigação do Ministério de Segurança do Estado por não salvar os retratos. Enquanto é investigada, ela não consegue cuidar das crianças no hospital nem ter acesso a antibióticos para tratar as queimaduras dos filhos.

Na Coreia do Norte, o Estado exige que todas as casas tenham fotos de Kim Jong Il e de Kim Il Sung, que devem ser tratadas com a mesma reverência que autoridades nacionais recebem pessoalmente. A agência de notícias afirma que norte-coreanos que salvam os retratos da família Kim dos incêndios são tratados como heróis, enquanto aqueles que deixam de fazer, muitas vezes enfrentam consequências legais.

O incêndio aconteceu no dia 30 de dezembro onde duas famílias dividam uma casa no condado de Onsong, província de North Hamgyong. As crianças estavam sozinhas e as mães das duas famílias correram de volta quando souberam do incêndio. A família que também conseguiu salvar os retratos não está sendo investigada.

Assine nossa Newsletter

Receba diariamente as principais notícias do Paraná e do Brasil.

Comentários

#Face24H

- Publicidade -