Segunda, 28 de Setembro de 2020 00:22
(43) 99953-0833
Notícias GM

GM que matou duas pessoas em Londrina está arrependido

GM que matou duas pessoas em Londrina está arrependido

05/04/2017 20h40 Atualizada há 3 anos
Por: Redação
[caption id="attachment_8805" align="aligncenter" width="700"] Foto: Colaboração / WhatsApp[/caption] O advogado de defesa do guarda municipal Ricardo Leandro Felippe, preso sob a acusação de matar duas pessoas em Londrina, disse na manhã desta quarta-feira, 05, durante coletiva de imprensa, que seu cliente está "arrependido" pelos crimes. Ele foi preso na manhã de terça-feira, 04, um dia após executar a tiros a empresária Ana Regina do Nascimento Ferreira, de 34 anos, que era sócia de sua ex-namorada, e também o adolescente Vitor Reis, de 16 anos, filho de outra ex-companheira. Ricardo ainda baleou três pessoas e roubou três automóveis. LEIA MAIS: GM atira em familiares e mata filho de ex-mulher em Londrina Mulher é assassinada dentro de estabelecimento na zona sul Detalhado: entenda o caso envolvendo um GM de Londrina GM que matou duas pessoas em Londrina é preso em SP O guarda foi apresentado à imprensa pela polícia na manhã desta quarta. Ele foi capturado em um hotel na cidade de Maracaí, no interior de São Paulo, distante 129 quilômetros de Londrina. Uma equipe da Polícia Civil viajou até o município para trazê-lo ao norte do Paraná. Durante a apresentação, Ricardo Felippe permaneceu em silêncio de costas para os jornalistas. O advogado Luca Carrer, que defende o acusado, também relatou que ele apresenta quadro de depressão e faz uso de medicamentos controlados. Não foi revelada no entanto, a motivação dos crimes. Ainda conforme o advogado, a defesa está providenciando o pedido de uma cela especial para Ricardo, já que ele é servidor municipal e trabalha na área de segurança. Carrer disse que seu cliente irá esclarecer os fatos em momento oportuno.
Medida protetivaO Ministério Público de Londrina havia expedido em janeiro deste ano, medida protetiva para Rachel Espinosa, mãe de Vitor Reis, morto pelo GM.Além disso, o MP também havia determinado que “Ricardo não poderia usar a arma da Guarda Municipal na rua, apenas em serviços internos”. A medida foi tomada após denúncias de ameaças e agressões, físicas, psicológicas e sexuais. / MASSANEWS
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Londrina - PR
Atualizado às 00h14 - Fonte: Climatempo
23°
Muitas nuvens

Mín. 24° Máx. 36°

23° Sensação
9 km/h Vento
89% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (29/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 36°

Sol com algumas nuvens
Quarta (30/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 21° Máx. 40°

Sol com algumas nuvens