Quinta, 01 de Outubro de 2020 10:36
(43) 99953-0833
Notícias Médica

Médica recusa atender bebê no RJ; Criança morreu

Médica recusa atender bebê no RJ; Criança morreu

09/06/2017 11h48 Atualizada há 3 anos
Por: Derick Fernandes
Médica recusa atender bebê no RJ; Criança morreu
[caption id="attachment_10002" align="aligncenter" width="700"] Médica rasga papel dentro de ambulância, que seria a solicitação de socorro ao menino Breno, que morreu horas depois - Foto: Reprodução[/caption] Uma diretora da empresa Cuidar Emergências Médicas informou que a médica Haydeé Marques da Silva não socorreu Breno Rodrigues Duarte da Silva, de 1 ano e 6 meses, na manhã desta quarta-feira, porque o paciente era uma criança. Ele tinha síndrome de ohtahara, uma doença neurológica que provoca convulsões severas. Breno morreu horas depois. A família chamou uma ambulância da Cuidar, por meio do plano de saúde Unimed-Rio, que chegou com a médica por volta de 9h no condomínio da criança, no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste do Rio. Mas a profissional não subiu no apartamento de Breno, que morreu 1h30 depois. "Infelizmente a unidade saiu do local porque a médica alegou que não atenderia uma criança, já que ela é clínica geral e anestesista, e não pediatra", afirmou a diretora da Cuidar, que demitiu a médica nesta quinta-feira. O relato foi publicado no Globo. Os pais de Breno, Felipe Duarte e Rhuana Rodrigues, disseram que funcionários do prédio ouviram a médica gritando que não iria atender o filho deles dizendo já tinha passado de seu horário de trabalho. Mas, de acordo com a diretora da empresa, ela tinha começado seu expediente duas horas antes, às 7h. Conforme um vídeo gravado por uma câmera interna, a médica, dentro da ambulância, rasgou um documento antes de o veículo ir embora do prédio, às 9h13. [caption id="attachment_10004" align="aligncenter" width="700"] Bebê tinha um ano e seis meses - Foto: Arquivo[/caption] Em nota, a Unimed-Rio afirmou que  "lamenta profundamente" o falecimento da criança e "vem prestando apoio irrestrito à família nesse momento tão difícil". "A cooperativa tomará todas as providências para descredenciar imediatamente o prestador 'Cuidar', pela postura inadmissível no atendimento prestado à criança. Além disso, adotará todas as medidas judiciais e extrajudiciais cabíveis em razão da recusa de atendimento por parte do prestador de serviço". Segundo o texto, "o Conselho Regional de Medicina (Cremerj) abriu uma sindicância para apurar o caso. A 16ª DP (Barra da Tijuca) está investigando o ocorrido".
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Londrina - PR
Atualizado às 10h24 - Fonte: Climatempo
39°
Poucas nuvens

Mín. 22° Máx. 41°

37° Sensação
19.4 km/h Vento
16.1% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (02/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 40°

Sol com algumas nuvens
Sábado (03/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 38°

Sol com algumas nuvens