Sábado, 26 de Setembro de 2020 14:54
(43) 99953-0833
Notícias Relator

Relator do Conselho de Ética pede cassação de Boca Aberta

Relator do Conselho de Ética pede cassação de Boca Aberta

04/12/2019 23h41 Atualizada há 10 meses
Por: Derick Fernandes
Relator do Conselho de Ética pede cassação de Boca Aberta
O deputado federal Alexandre Leite (DEM-SP), relator do processo contra o deputado Emerson Petriv, conhecido como Boca Aberta (PROS), votou pela cassação do mandato parlamentar do londrinense na Câmara Federal. O relatório com o voto foi apresentado por ele nesta quarta-feira (04) durante a reunião do Conselho, para discutir a ação movida contra Boca Aberta após a publicação, por ele, de um vídeo no Hospital de Jataizinho, na Região Metropolitana de Londrina, em março deste ano. No vídeo, Boca Aberta acorda o médico que descansava em um quarto na unidade hospitalar. As imagens também mostram que não havia ninguém para ser atendido. A ação no Conselho de Ética foi movida pelo deputado Hiran Gonçalves (PP-RR), que presidente a Frente Parlamentar da Medicina. [caption id="attachment_44431" align="aligncenter" width="984"] Vídeos do deputado são analisados no Conselho de Ética - Foto: Reprodução[/caption] Em seu voto, o deputado Alexandre Leite disse que Boca Aberta "abusou das prerrogativas constitucionais asseguradas aos membros do Congresso Nacional". Ele ainda pontuou que Petriv passou a ofender os membros do Conselho de Ética, inclusive o deputado Hiran, que ofereceu a denúncia contra o paranaense. O relator também destacou em seu relatório que a postura que Boca Aberta teve durante a investigação do Conselho de Ética é incompatível com a de um deputado federal. Ele imputou ao londrinense ainda, as acusações de apresentar documentos forjados durante as fases da investigação, litigância de má-fé, ao tentar judicializar o caso no Supremo Tribunal Federal; e tentativa de fraudar os trabalhos da comissão. Ainda conforme Leite, durante o processo, Boca Aberta, entre outros atos, recusou-se a assinar as intimações, com a intenção de alegar posteriormente, não ter sido informado do andamento dos trabalhos da comissão. "Parece claro que o Representado desvirtuou o exercício do cargo de deputado federal, fazendo uso abusivo de suas prerrogativas constitucionalmente asseguradas para atingir a honra de colegas, de cidadãos e de servidores públicos, para performar cena com o fito de se autopromover nas redes sociais às custas da perturbação do trabalho e do sossego alheio, cometendo abuso de autoridade", afirmou o relator.

OUTRO LADO

A reportagem do 24Horas entrou em contato com o deputado federal Boca Aberta. Em resposta, ele enviou um áudio de esclarecimento, dizendo estar sofrendo perseguição. Boca Aberta ainda disse que o deputado Alexandre Leite tem uma pendência pessoal com ele, por isso estaria agindo contra ele no Conselho de Ética. "Tem deputado da Bahia, do Mato Grosso, de São Paulo, todos me defendendo e revoltados com isso", disse. Ele também fala que, é suspeito outros deputados terem sido absolvidos na comissão por motivos maiores. "Deputados ligados ao Gedel Vieira Lima, daquele bunker de R$ 51 milhões, outros mandante de crimes, de homicídios. Esses foram absolvidos", disse. O parlamentar também disse estar tranquilo quanto ao pedido de cassação, e acredita que isso não vai de encontro com a realidade da Câmara Federal. [audio mp3="https://24horas.com.br/wp-content/uploads/2019/12/deputadobocaaberta.mp3"][/audio]  
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Londrina - PR
Atualizado às 14h50 - Fonte: Climatempo
37°
Alguma nebulosidade

Mín. 16° Máx. 35°

36° Sensação
22 km/h Vento
21% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (27/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 21° Máx. 37°

Sol
Segunda (28/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 36°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.