Quarta, 28 de Outubro de 2020 08:01
(43) 99953-0833
Últimas Notícias Deputado

Deputado Boca Aberta se envolve em confusão com a GM em praça na Zona Norte de Londrina

Deputado Boca Aberta se envolve em confusão com a GM em praça na Zona Norte de Londrina

29/07/2020 14h20 Atualizada há 3 meses
Por: Redação
Deputado Boca Aberta se envolve em confusão com a GM em praça na Zona Norte de Londrina
O deputado federal Boca Aberta (PROS-PR) protagonizou uma confusão com guardas municipais na manhã desta quarta-feira (29) ao impedir a instalação de postes de iluminação pública em uma praça na Avenida Saul Elkind, na Zona Norte de Londrina. O deputado, que é pré-candidato a prefeito da cidade, disse que o local está sob os cuidados dele por meio do programa "Boa Praça" e que a revitalização do espaço promovida pela prefeitura seria "jogada política" do prefeito Marcelo Belinati. O programa visa a conservação de espaços públicos. Geralmente empresas adotam esses locais, tais como praças e rotatórias, e são responsáveis pelos cuidados e paisagismo. De contrapartida, uma placa com a propaganda da empresa pode ser fixada. A prefeitura, no entanto, informou que o contrato está rescindido desde dezembro de 2019, e que a responsabilidade do local era de Marly de Fátima Ribeiro, esposa do deputado Boca Aberta. [fvplayer id="3"] As obras na praça são parte da revitalização do antigo Clube Social do Maria Cecília, que passou a ser um espaço aberto de lazer e atividades físicas. Na praça onde a confusão aconteceu seriam instalados quatro postes de iluminação de LED. Boca Aberta argumentou que ele já revitalizou a praça e que estava amparado pela lei. Ele próprio pegou uma enxada e tapou os buracos abertos pelos funcionários da empreiteira responsável pela obra. Assessores do parlamentar acompanharam toda a situação. O deputado não utilizava máscara de proteção enquanto discutia com os guardas municipais. Em um dos vídeos, Boca Aberta discute com um GM que pediu para que ele colocasse a máscara. O deputado também falou que entrou com uma ação na justiça onde a CMTU foi notificada a prestar esclarecimentos do motivo que levou à rescisão contratual. [fvplayer id="4"]

O QUE DIZ A PREFEITURA

A prefeitura já solicitou que a Procuradoria Geral do Município tome as providências jurídicas necessárias para que uma das últimas obras da revitalização completa do Centro Esportivo Maria Cecília sejam concluídas, e o complexo entregue aos moradores da região Norte. A 'invasão' de hoje impediu que funcionários da Iguaçu Construtora realizassem serviços no local. A concessão de uso do espaço da Praça do Maria Cecília foi rescindida pela Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) em 10 de dezembro de 2019. O espaço de 400 metros quadrados estava sob responsabilidade de Marly de Fátima Ribeiro, por meio da assinatura do termo de cooperação com a companhia. Foi rescindido em nome do interesse público dos londrinenses. O espaço de 400 metros quadrados faz parte da praça maior que integra o Centro Esportivo. E foi contemplado na revitalização com melhorias e a instalação de três luminárias ornamentais em LED, que também garantirão mais segurança a todo entorno da praça. Ao todo, a revitalização de todo espaço contém 79 luminárias ornamentais. O novo Centro Esportivo, revitalizado, será entregue à comunidade agora em agosto.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.