Quinta, 22 de Outubro de 2020 03:30
(43) 99953-0833
Londrina Lei seca

Com ocupação da UTI em queda, Londrina deve liberar bares a partir de sexta

Empresários dizem que cidade tem índices favoráveis à reabertura do setor.

23/09/2020 13h21
Por: Derick Fernandes
Donos de bares fizeram manifestação contra as medidas da prefeitura - Foto: Divulgação
Donos de bares fizeram manifestação contra as medidas da prefeitura - Foto: Divulgação

 

Com a queda da taxa de ocupação dos leitos de UTI, Londrina deve voltar a liberar as atividades de bar e a venda de bebidas alcoólicas a partir da próxima sexta-feira (25). O decreto válido por 14 dias que determina o fechamento dos estabelecimentos, não deve ser renovado.

Pelo menos essa é a expectativa de empresários do setor, que se reuniram nesta terça-feira (22) com o secretário de Saúde Felippe Machado. O decreto do prefeito Marcelo Belinati também impôs "lei seca" na cidade. Ou seja, o estabelecimento que comercializasse bebidas para consumo local estava sujeito a multa que poderia chegar a R$ 3 mil, além de penalidades como a suspensão do alvará e processo admnistrativo.

Na reunião com o secretário, os empresários argumentaram que a taxa de ocupação dos leitos UTI em Londrina está na média de 60%, e isso por si só mostra o controle da pandemia na cidade. Segundo Fábio Aguayo, presidente da Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas (Abrabar) o índice foi reconhecido pela Secretaria Estadual de Saúde e dá margem de segurança para a reabertura do setor.

Além disso, segundo Aguayo, desde o início da publicação do decreto, Londrina não teve redução significativa na média móvel de casos de coronavírus. Além da Abrabar, representantes da Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes) e do G20, que reúne empresários da categoria, também participaram do encontro com Felippe Machado.

AMPLIAÇÃO DO HORÁRIO

Além da demanda da reabertura propriamente dita, as entidades pediram que o horário de atendimento seja estendido até às 23h59. O pedido se baseia em um estudo comparativo em cenários antes da pandemia e após a adoção das medidas, e que mostram o impacto financeiro sofrido pelo setor e bares e restaurantes.

Um exemplo citado foi a manutenção de empregos. Um restaurante que atendia com 100% da capacidade antes da pandemia e contava com 8 funcionários, agora tem apenas 4 funcionários para operar com 50% da capacidade e com 2 funcionários, caso esteja operando com 34% da capacidade.

O lucro também foi um fator avaliado, bem como a arrecadação de impostos. Um empresário que faturava R$ 13.250,00 antes da pandemia, viu esse lucro reduzir a saldos negativos, ou seja, R$ -8.375,00 com 50% da capacidade e até R$ -15.511 com 34% da capacidade.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Londrina - PR
Atualizado às 03h24 - Fonte: Climatempo
17°
Poucas nuvens

Mín. 16° Máx. 30°

17° Sensação
29.2 km/h Vento
69.8% Umidade do ar
90% (8mm) Chance de chuva
Amanhã (23/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 30°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Sábado (24/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 26°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.