Apucarana aposta no crescimento industrial e investe em infraestrutura

Obra do Viaduto Nova Ukrânia e criação de avenida fomenta desenvolvimento na região Sul

Leia também:

Dengue chega a quase 88 mil casos no Paraná; 69 morreram

Estado tem mais de 204 mil casos suspeitos.

Com oito testes positivos, Londrina vai a 34 casos de coronavírus

Cidade confirmou oito novos casos. Cinco pessoas estão na UTI.

Caminhoneiros passam fome nas estradas e dizem não ter onde se alimentar

Com tudo fechado, eles não tem onde se alimentar.
Derick Fernandeshttps://www.24horas.com.br
O jornalista Derick Fernandes é editor chefe do 24Horas

A cidade de Apucarana iniciou nesta semana os trabalhos de construção de um novo viaduto na BR-376 (Contorno Sul) sobre a Rua Nova Ukrânia, nas imediações do Jardim Catuaí. O projeto faz parte da duplicação total da rodovia, da CCR Rodonorte.

Nesta quinta-feira (13) o prefeito de Apucarana, Junior da Femac, acompanhou o andamento dos trabalhos. Para Junior, após a finalização dos trabalhos, a cidade terá um impulso industrial ainda maior.

A projeção é de que o viaduto esteja liberado para o tráfego em 6 a 7 meses. “A transposição se dará por cima, enquanto a via de tráfego principal (rodovia) será por baixo”, explicou o engenheiro da concessionária.

O prefeito Júnior da Femac enalteceu o porte do investimento e lembrou que a obra só foi possível depois de uma união de esforços. “Quase perdemos essa obra por conta de corte de investimentos dentro do contrato. Mas fizemos todo um trabalho político para garantir que nossa região fosse beneficiada”, disse.

CONTORNO SUL

Iniciada em agosto de 2018, a duplicação do Contorno Sul é executada em duas etapas. A primeira fase, compreendendo 4,5 quilômetros entre o acesso da cidade nas proximidades do 10º Batalhão da Polícia Militar e a entrada para a estrada velha para Rio Bom, já foi concluída.

Além dos dois viadutos – “Nova Ukrânia” e “acesso a estrada velha de Rio Bom” – o projeto contempla ainda uma ponte sobre o Córrego Biguaçu. Com investimentos  na ordem de R$ 70 milhões, as obras devem durar até setembro.

NOVA AVENIDA

Além de acompanhar as obras da CCR, o prefeito de Apucarana também vistoriou o andamento do prolongamento da rua, futura avenida Nova Ucrânia.

“Uma obra estruturante, viabilizada pelo ex-prefeito Beto Preto, com recursos do Governo Ratinho Júnior e que representa o momento de união vivido pela cidade, mostrando o que Apucarana é capaz de fazer quando há planejamento e gestão séria”, salientou Júnior.

De acordo com o cronograma estabelecido, 95% dos serviços previstos já foram executados. “É uma nova avenida, que cria um novo acesso à cidade. Uma via de 12 metros de largura, a mesma dimensão da Avenida Curitiba, com drenagem, meio-fio, bocas de lobo, pavimentação e calçada com acessibilidade”, detalha o prefeito.

O trecho também está ganhando um moderno sistema de iluminação. O investimento na obra é de R$ 1,5 milhão por meio da Fomento Paraná.

Comentários

#Face24H

- Publicidade -