Família é encontrada morta dentro em chácara em Paranaguá

Menino de 7 anos está desaparecido.

Leia também:

Dengue chega a quase 88 mil casos no Paraná; 69 morreram

Estado tem mais de 204 mil casos suspeitos.

Com oito testes positivos, Londrina vai a 34 casos de coronavírus

Cidade confirmou oito novos casos. Cinco pessoas estão na UTI.

Caminhoneiros passam fome nas estradas e dizem não ter onde se alimentar

Com tudo fechado, eles não tem onde se alimentar.
Derick Fernandeshttps://www.24horas.com.br
O jornalista Derick Fernandes é editor chefe do 24Horas

Três pessoas foram encontradas mortas na tarde deste sábado (08) em uma chácara na localidade de Ribeirão, em Paranaguá, no litoral do estado.

Segundo informações iniciais da Polícia Militar (PM), todas as vítimas eram da mesma família, e um menino de 7 anos identificado pelo primeiro nome de Pedro está desaparecido.

Conforme apurado, um homem identificado como Carlos da Silva, de 76 anos, avô do menino, foi o primeiro corpo encontrado. Ele morava na casa da frente, localizada no mesmo terreno onde tudo aconteceu.

O corpo do filho do idoso, Amarildo Antônio da Silva, de 56 anos, e da esposa dele, Adriana Pereira dos Santos, de 49, estavam na casa dos fundos. Amarildo e Adriana eram mãe de Pedro, e moravam junto com o garoto no imóvel.

A polícia ainda não sabe o que acontece, e nem tem pistas do assassino.

Os corpos foram encaminhados ao IML em Paranaguá.

Comentários

#Face24H

- Publicidade -