SIGA O 24H

Notícias

Padre é afastado da Igreja após postar foto seminu em hotel: ‘Rapidinha com loirinha’

O padre disse que se molestou a Igreja com seus pecados, também a amou até ao limite das suas forças.

Publicado

em

“As pessoas querem saber quem tirou a fotografia, pois bem, eu vou dizer: foi uma loirinha com quem dei uma rapidinha”. Foi assim como o padre Júlio Santos, contou detalhes de uma polêmica em que ele se viu envolvido nos últimos dias.

Júlio, de 58 anos, disse ter postado nas redes sociais, por engano, uma foto sua deitado numa cama de casal usando apenas cueca e meias.

A imagem ficou no ar no perfil dele no Facebook por pouco tempo, mas foi o suficiente para se alastrar pela internet e gerar um debate entre internautas sobre a questão do celibato exigida aos sacerdotes.

Ele explicou o seu afastamento da Igreja Católica:

“Sou maroto, sou danado para a brincadeira e mesmo que tente mudar isso, não consigo. Eu nunca me apresentei às pessoas como santo”, afirmou, chamando a “menina muito jeitosa” com quem manteve relações sexuais num encontro casual de “serpente tentadora”.

Após 30 anos atuando como padre, Júlio foi afastado de suas funções e frisou que não pretende voltar.

“Para sossegar o Sr. bispo e o seu vigário-geral e não escandalizar mais os fiéis, afasto-me do meu ministério sacerdotal na Igreja. Não voltarei a servir a Igreja na Diocese de Coimbra (Portugal) como pároco”, disse.

‘Falava de um Deus de amor, misericórdia, perdão e acolhimento’

Num grupo do Facebook de moradores da região, o ex-padre se despediu dos fiéis:

“Se molestei a Igreja nos meus pecados, também a amei até ao limite das minhas forças. Não vão encontrar mais que 5 mil euros nas minhas contas e um carro a pagar. Saio da Diocese de cabeça levantada. Mas no Verão matem a vossa curiosidade e vão dar um passeio pelas dunas da Praia de Mira, pela Costa Nova e pelas prais de nudismo, clubes no Porto e em Vigo”, escreveu num post nas redes sociais.

 

Publicidade

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Litoral

Pescador encontra corpo de adolescente que se afogou em Guaratuba

Criança de sete anos segue desaparecida desde sexta-feira (15).

Publicado

em

Foto: Rádio Litorânea

Um pescador encontrou na manhã desta segunda-feira (18) o corpo do adolescente de 16 anos que estava desaparecido desde sexta-feira (15) na Praia de Caieiras, em Guaratuba. O jovem desapareceu junto com uma criança de sete anos, cujo o corpo ainda não foi encontrado.

Segundo os Bombeiros, o corpo estava na Ilha dos Ratos, local próximo onde os dois se afogaram.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Paranaguá para reconhecimento dos familiares.

As buscas pela criança de sete anos continuam nesta segunda.

AFOGAMENTO

Segundo o Corpo de Bombeiros, um homem entrou no mar com dois adolescentes e uma criança na sexta-feira. Enquanto nadavam, os adolescentes se afogaram, e o homem na tentativa de salvá-los, se afogou também.

Com ajuda de pessoas que estavam na praia, o homem e uma garota de 12 anos foram retirados da água, entretanto, o outro adolescente de 16 anos e a criança desapareceram.

O homem e a menina foram levados para um hospital em Guaratuba, fora de risco.

Leia Mais

Notícias

Três pessoas morrem em queda de avião em Cascavel

Acidente aconteceu no início da noite deste domingo (17).

Publicado

em

Foto: RPCTV

A queda de um avião monomotor matou três pessoas na tarde de domingo (17) em Cascavel, no Oeste do Paraná.

Segundo o Samu, a aeronave de pequeno porte, transportava quatro pessoas. O cardiologista Eduardo Philippi, presidente do aeroclube, a filha dele, Fernanda Philippi, de 12 anos, e o piloto, Magnus Padilha, morreram no acidente.

A esposa do cadiologista, Graziela Philippi, também estava no avião e foi socorrida em estado gravíssimo ao Hospital Universitário de Cascavel.

O Corpo de Bombeiros informou que o avião caiu a poucos metros do local onde pousaria, em uma propriedade rural de Cascavel, nas imediações da PR-486.

A família havia saído de Cascavel para passar o feriado no litoral catarinense e retornava para casa neste domingo, quando aconteceu a tragédia.

Os corpos foram encaminhados ao IML de Cascavel.

Médico cardiologista morreu no acidente – Foto: Reprodução

Leia Mais

Londrina

Incêndio quase atinge posto de combustível e deixa feridos em Sertanópolis

Fogo destruiu uma borracharia e dois caminhões no pátio do posto.

Publicado

em

Foto: Colaboração / WhatsApp

Um grande incêndio registrado na noite desta quarta-feira (13) deixou três pessoas feridas em Sertanópolis, na Região Metropolitana de Londrina. O incêndio atingiu uma borracharia localizada no pátio de um posto de combustíveis.

Segundo o Corpo de Bombeiros, um curto circuito pode ter provocado as chamas, que além da borracharia, atingiu dois caminhões que estavam estacionados, uma auto elétrica e um barracão recém-construído. Os dois caminhões ficaram completamente destruídos.

Os três feridos sofreram queimaduras moderadas e foram levadas por terceiros ao Hospital Municipal de Sertanópolis.

Equipes do Corpo de Bombeiros de Londrina e Ibiporã foram mobilizadas para ajudar no combate às chamas e evitar que o fogo atingisse o posto de combustíveis e provocasse uma tragédia ainda maior.

O incêndio foi controlado por volta de 00h30.

VEJA O VÍDEO:

Leia Mais
Publicidade

Curta o 24Horas