fbpx

Caso Daniel: STJ concede liberdade e Allana Brittes deixará a cadeia

Após ter dois pedidos de liberdade negados, na tarde desta terça-feira (6) o Superior Tribunal de Justiça (STJ) aceitou o pedido de habeas corpus de Allana Brittes, filha do assassino confesso do jogador Daniel Corrêa. Segundo o STJ, a decisão foi unânime entre os cinco ministros.

Allana está presa junto com a mãe, Cristiana Brittes, desde 1º de novembro na Penitenciária Estadual de Piraquara, na região metropolitana de Curitiba.

Para o habeas corpus, a jovem terá que cumprir uma série de medidas cautelares como comparecimento periódico em juízo, não se ausentar de Curitiba, nem manter contato com os demais réus do caso.

Allana Brittes responde por coação de testemunha e fraude processual.

O crime

O jogador Daniel Corrêa foi assassinado no dia 27 de outubro do ano passado. Seu corpo foi encontrado em uma área rural de São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba, com sinais de tortura.

Edison Brittes, pai de Allana e marido de Cristiane, confessou ter assassinado Daniel em legítima defesa. Segundo ele, flagrou o jogador tentando estuprar sua esposa, após a festa de 18 anos da filha.

Segundo a investigação, na noite do crime, Daniel tirou fotos ao lado de Cristiane, no quarto do casal e enviou para amigos. Para a Polícia e o Ministério Público do Paraná (MP-PR), não houve tentativa de estupro.

 

Polícia Civil encerra inquérito sobre morte de Daniel

Polícia indicia 4 pelo assassinato do jogador Daniel

 

Leia também

Botão Voltar ao topo
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar