Paranaguá registra 16 casos de dengue em uma semana

Leia também:

Derick Fernandeshttps://www.24horas.com.br
O jornalista Derick Fernandes é editor chefe do 24Horas
- Publicidade -

A cidade de Paranaguá no litoral do estado viveu este ano a sua mais mortífera epidemia de dengue já registrada na região. O município que nunca tinha vivenciado essa experiência, registrou pelo menos 20 mil casos da doença, fora os que não foram contabilizados. Mais de 25 pessoas morreram por conta da epidemia e várias ações, inclusive com a presença do exército, foram mobilizadas na cidade.

Desde o fim do período epidemiológico na cidade, em medos de julho, os casos de infecção melo mosquito Aedes Aegypti diminuíram consideravelmente, principalmente no inverno. Porém, no início fim de agosto, um novo ciclo foi iniciado e desde então, agentes trabalham para inibir focos do mosquito para evitar a proliferação.

A falta do cuidado da população no entanto tem desde o último dia 23 de agosto um novo dado: 16 novos casos de dengue foram registrados em Paranaguá durante a semana, colocando alerta vermelho em uma possível nova epidemia, de proporções ainda maiores do que a última. A informação foi confirmada pela diretora da 1ª Regional de Saúde, Dra. Ilda Nagafuti. Um dos motivos apontados foi a baixa adesão à vacina contra a doença, principalmente por causa de boatos que se espalharam através das redes sociais.

A volta da época de calor é outro motivo de preocupação: o tempo quente incentiva a reprodução do mosquito transmissor que deposita seus ovos em focos de água parada. No dia 9 de novembro uma força tarefa deve mobilizar agentes da Saúde para incentivar a população a combater o Aedes Aegypti com prevenção.

[Heateor-SC]

Fique ligado:

- Publicidade -