Londrina e regiãoNotícias

Central de Flagrantes ganha sala de atendimento para mulheres

Espaço dará suporte às vítimas quando Delegacia da Mulher estiver fechada

A Central de Flagrantes do 2º Distrito Policial de Londrina, ganhou nesta semana, uma sala que atenderá especialmente mulheres vítimas de violência doméstica. Essa é a terceira cidade do Paraná a contar com espaço dedicado a receber denúncias fora do horário de expediente, em finais de semana ou feriados – as demais são Curitiba e São José dos Pinhais.

Durante o expediente, das 8h30 às 18h, os atendimentos são feitos na Delegacia da Mulher de Londrina e após esse horário e aos finais de semana serão no 2º Distrito Policial, de forma especializada e por uma delegada.

Segundo o governador Ratinho Junior (PSD), essa era uma demanda antiga da região Norte, e que o Governo conseguiu responder nos primeiros 100 dias. “A cidade precisava disso. Vamos criar um ambiente de atendimento satisfatório e que possa de fato defender os interesses das mulheres. Nas delegacias convencionais isso não é possível”, afirmou.

Para Érica Cortez, presidente do Poder Rosa – ONG que luta contra a violência contra a mulher – a sociedade também tem se articulado para aumentar o atendimento às mulheres da região Norte. “Estamos muito felizes. Esse é o primeiro passo para uma Delegacia inteira 24h. Só esse primeiro passo faz a cidade ganhar muito. Os policiais sabem dos problemas que tínhamos em relação a isso, de desistência das denúncias”, afirmou.

Atualmente, há três mil procedimentos abertos na cidade em função desse tipo de violência e média de 18 novas ordens de serviço todos os dias.

A Delegacia da Mulher fica na Rua Marcílio Dias, nº 232, no Jardim Petrópolis e a Central de Flagrantes na Avenida Santos Dumont, nº 422, no Jardim Boa Vista.

 

Publicidade
DEIXE SEU COMENTÁRIO!

AGORA NO 24H:

1
Fale com o 24Horas!

Envie fotos, vídeos ou sugestões!
Powered by
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios