SIGA O 24H

Londrina

Londrina se torna terceiro principal destino turístico do Paraná

Cidade recebeu classificação A do Ministério do Turismo.

Publicado

em

O Paraná ganhou uma nova cidade com selo A no Mapa do Turismo Brasileiro. Londrina se junta a Curitiba e Foz do Iguaçu na melhor categoria como principais destinos do Estado, além do potencial para atrair ainda mais visitantes. A classificação é do Ministério do Turismo e traz um panorama de 2019 a 2021, dentro de uma estratégia de regionalização dos potenciais brasileiros.

É um índice determinante para o planejamento turístico das cidades.

Londrina é uma cidade de imigrantes de diversas nacionalidades e a maior cidade do interior do Paraná, com mais de 500 mil habitantes. É conhecida por seus parques (Arthur Thomas, Jardim Botânico, Lago Igapó e Mata dos Godoy), pelos monumentos (Museu de Arte de Londrina, Museu Histórico de Londrina, Cine Teatro Universitário Ouro Verde e Catedral Metropolitana), pela produção agrícola (trigo e soja) e pela universidade estadual, a UEL.

Catedral Metropolitana Sagrado Coração, no Centro de Londrina – Foto: Divulgação

Mas um dos principais fatores que corroboram para essa nova condição é o turismo de eventos. São quase mil catalogados no biênio 2018-2019 – apenas a Universidade Estadual de Londrina (UEL) organiza mais de 400 por ano. Outro exemplo é o Lidere, maior encontro empresarial da região Norte, que aconteceu neste mês pelo segundo ano e reuniu mais de mil pessoas e gestores de todo o País.

Um dos esforços que impulsionam esse novo momento foi idealizado pelo Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel): a redução de 5% para 3% do ISS (Imposto Sobre Serviços) para eventos. Essa política já foi adotada em cidades de pequeno e médio porte para atrair investimentos, e ajuda a potencializar as iniciativas já desenvolvidas pelos setores privado e público.

Segundo Maitê Uhlmann, diretora do Codel, esse projeto foi encaminhado à Câmara Municipal como forma de referendar essa nova condição. “Fizemos estudos para avaliar os possíveis resultados e consideramos válidos. A expectativa é que até o fim do ano a proposta seja aprovada pelos vereadores”, afirma. A justificativa leva em conta a competitividade entre as cidades e a possibilidade de melhorar o ambiente empresarial atraindo novas expertises.

Londrina. Foto: José Fernando Ogura/ANPr

Londrina. Rodoviária. Foto: José Fernando O gura/ANPr

VÍDEO INSTITUCIONAL

A diretora também explica que neste ano foi distribuído pela primeira vez pela cidade, pelo Estado e em redes digitais um vídeo institucional de Londrina, o que contribui como forma de fomentar o turismo. “Depois de 15 anos finalmente fizemos um vídeo que apresenta a cidade. Distribuímos nas redes sociais oficiais da administração pública e também nas nossas redes de contatos. O intuito é mostrar uma cidade cada vez mais relevante no cenário nacional”, comenta.

Para o presidente da Associação Comercial e Industrial de Londrina (Acil), Fernando Moraes, essa elevação se deve à vocação municipal no setor de serviços. “A sociedade civil londrinense é promotora natural do destino nos eventos que participa pelo País, influencia políticas públicas para o segmento no âmbito municipal e tem se dedicado a ampliar o número de eventos e a qualificá-los”, enumera Moraes.

O presidente da Acil destaca, ainda, o apoio à divulgação de um calendário de eventos, campanhas sazonais do comércio, além da qualificação do segmento por meio do seu Centro de Capacitação Empresarial e do Programa Empreender, promovidos pela associação.

FORÇAS PRODUTIVAS

Arnaldo Falanca, presidente da Londrina Convention Bureau, associação de entidades e organizações ligadas ao turismo da cidade, afirma que o novo status significa também uma nova responsabilidade. “É um reconhecimento da criatividade e das inovações dos nossos empresários. Precisamos criar ambientes para receber cada vez melhor os nossos turistas”, afirma.

Zona Sul de Londrina. Foto: José Fernando Ogura/ANPr

“É uma conquista das forças produtivas da cidade, que repercutirá em todo País e também internacionalmente em termos de captação de eventos e do turismo de negócios”, complementa o prefeito de Londrina, Marcelo Belinati.

Essa elevação de categoria permitirá ao município angariar mais recursos federais para o turismo e vai fortalecer o emprego, o comércio e o desenvolvimento tecnológico da região, que já é conhecida como uma das que mais atraem startups no Estado. O selo A também fomenta a economia criativa.

Lago Igapó, em Londrina – Foto: José Fernando Ogura/ANPr

Londrina – Praça do Japão. Foto: José Ferando Ogura/ANPr

MAPA

O Mapa do Turismo estabelece uma categorização de municípios turísticos que vai de A a E. Essa classificação é um meio de acompanhar as economias turísticas locais. Além disso, com essas informações ele presta apoio a priorização de investimentos por programas do Ministério do Turismo, que dentre eles inclui ações de infraestrutura turística, preparação de qualificação profissional e promoção dos destinos, observando as características e demanda de cada cidade.

SELO B

O Paraná também ganhou cinco municípios com selo B e agora conta com 14 nessa classificação: Campo Mourão, Cascavel, Guarapuava, Guaratuba, Maringá, Matinhos, Paranaguá, Pato Branco, Ponta Grossa, Pontal do Paraná, São José dos Pinhais, Telêmaco Borba, Toledo e Umuarama.

Publicidade

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Londrina

Bandidos disfarçados de policiais civis tentam assalto ao Camelódromo de Londrina

Todos os envolvidos foram presos em flagrante.

Publicado

em

Foto: Derick Fernandes / 24Horas

A Polícia Militar agiu rápido e prendeu quatro assaltantes na noite desta quinta-feira (14) em um assalto ao Camelódromo de Londrina, no Centro.

Segundo informações, tudo começou quando um lojista pediu ajuda a um policial rodoviário federal, informando sobre um assalto em andamento no local. Conforme a PM, os bandidos estavam usando roupas da Polícia Civil, e teriam ido ao local para roubar uma loja específica, e se identificaram como sendo policiais, informando sobre uma suposta busca e apreensão.

O comerciante desconfiou da atitude dos criminosos e a PM foi acionada. Os assaltantes, ao notarem a chegada da PM, que cercou as saídas do prédio, fizeram reféns, mas acabaram se entregando aos policiais do Choque. Três armas de fogo foram apreendidas na ocorrência, e encaminhadas junto com os bandidos à Central de Flagrantes da Polícia Civil.

DOIS MILHÕES EM EQUIPAMENTOS

A reportagem do 24Horas esteve no local e conversou com testemunhas. Um outro lojista, que preferiu não se identificar, disse que a loja alvo dos criminosos armazenava cerca de R$ 2 milhões em equipamentos eletrônicos, entre celulares, televisores e notebooks.

Por sorte, ninguém ficou ferido na ocorrência. A identificação dos criminosos está sendo apurada.

Leia Mais

Educação

Escola Municipal será construída no Vista Bela, em Londrina

Cerca de R$ 6 milhões serão investidos na nova escola.

Publicado

em

O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, anunciou nesta quinta-feira (14), juntamente com  representantes da Secretaria Municipal de Educação (SME), a publicação do edital de construção da primeira escola municipal no Residencial Vista Bela, na região norte de Londrina. Com estrutura ampla, a unidade vem para suprir uma demanda existente há vários anos nesta área da cidade, e poderá atender 500 crianças do P4 ao 5º ano.

As instalações da nova escola contarão com 10 salas de aula, outras duas para contraturno escolar, sala de informática, laboratório de Ciências, biblioteca, quadra de esportes, espaço para serviços administrativos, depósito para materiais pedagógicos, sala de professores e de supervisão, refeitório, cozinha, depósito para os alimentos, área de serviço, depósito para materiais de limpeza e higiene e banheiros para os alunos e para os funcionários. Além disso, haverá pátio para as crianças e jardim com grama e árvores.

Ao todo, o prédio contará com mais de 2.300 metros quadrados de área construída, em um terreno de 8 mil metros quadrados, localizado na mesma quadra do Colégio Estadual do Vista Bela – que fica na Rua Yoneko Shime, 300, próximo ao Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Irmã Maria Nívea (Rua Anníbal Balarotti, 110).

Atualmente, esta unidade estadual, por meio de parceria com o governo do Paraná, cede salas para atender cerca de 535 alunos de ensino fundamental da Escola Municipal América Coimbra, além de mais de 40 estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

O Município investirá recursos próprios, no valor máximo de R$ 5.841.401,39. De acordo com o contrato, a partir da assinatura da ordem de serviço, a obra deverá ser finalizada em 12 meses. A expectativa é que o novo espaço de educação possa ser utilizado pela comunidade a partir do ano letivo de 2021.

Leia Mais

Londrina

Voluntários levam presentes a menino que pediu cesta básica de Natal em Londrina

Empresários, voluntários e instituições se mobilizaram para ajudar a família.

Publicado

em

Família recebeu ajuda de empresários, voluntários e instituições.

Após o 24Horas publicar uma cartinha de Natal em que um menino pedia uma cesta básica e docinhos de presente, voluntários, instituições e empresários se sensibilizaram com a história e levaram ajuda para a família, que mora no Jardim Franciscato, na Zona Sul de Londrina.

A família ganhou cestas básicas, doces, refrigerantes e brinquedos.

O pedido foi feito pelo menino Kauan, de onze anos. Ele mora com a mãe e dois irmãos e contou no texto que a família estava passando necessidades, isso devido a mãe, Angélica Mayara, estar desempregada.

Emporium da Pizza mandou entregar pizzas para a família

No mesmo dia que a cartinha foi publicada, logo surgiram as ajudas. A Pizzaria Emporium da Pizza, na Avenida José Ventura Pinto, 590 – Jardim Califórnia, tratou logo de enviar uma pizza grande deliciosa para a família. E foi uma alegria total no momento que a pizza chegou. A mãe das crianças, emocionada, agradeceu a disposição da pizzaria – uma vez que os filhos tinham tido poucas oportunidades de experimentar o alimento.

Além da pizzaria, a Lanches do Gordinho (Avenida Soit Tamurã, 700 – JD Colúmbia) também ajudou. Ontem (14) um comboio de quatro motociclistas da lanchonete levaram cesta básica, brinquedos e frutas para a família. Claro, eles também puderam experimentar o melhor hambúrguer artesanal de Londrina.

Lanches do Gordinho levou ajuda para a família

A dona da lanchonete disse que se sensibilizou com o caso, após a filha dela escrever uma cartinha de Natal pedindo que Papai Noel ajudasse as crianças necessitadas da cidade. “Não somos ricos, mas pudemos ajudar com um pouquinho. Foi uma satisfação ver o sorriso das crianças“, disse.

Outras pessoas ajudaram a família de Kauan. O grupo Amigos do Coração recebeu doações de cesta básica, além de doces e refrigerantes, e entregou na casa da família com a ajuda de voluntários.

Cesta básica arrecadada pelo grupo Amigos do Coração

A ajuda também veio da doceria Heranças da Vovó que enviou guloseimas, refrigerante e um bolo de chocolate de presente para as crianças. Andrezza Freitas, dona da doceria e quem preparou o bolo, enviou uma mensagem ao 24Horas. “Atitudes como a de vocês faz desperpetar o lado bom que ainda existe nas pessoas“.

Menino Kauan ganhou um bolo de chocolate de presente da Heranças da Vovó.

Leia Mais
Publicidade

Curta o 24Horas