SIGA O 24H

Campos Gerais

Família inteira é assassinada com mais de 50 tiros em Ponta Grossa

Carro onde estavam pai, mãe e uma criança de 6 anos foi crivado de balas.

Publicado

em

Toda a estrutura de segurança pública de Ponta Grossa concentra ações no Núcleo Santa Luzia, na região da Chapada, na tentativa de esclarecer o grave crime ocorrido por volta das 20h30 deste domingo (15), na Rua Santo Antonio. Sete pessoas foram alvejadas a tiros. Quatro são crianças. Dois adultos morreram. A tragédia fecha um dia festivo. O Município estava todo mobilizado nas atividades em comemoração aos 196 anos.

Os dois adultos que morreram foram identificados pelas autoridades policiais por volta das 22 horas. O rapaz é Robison Ferreira, de 31 anos. A mulher é Danieli Ferreira, de 27 anos. Além do casal, o filho deles  Robson Brenno de Freitas Ferreira, de apenas 6 anos, também foi morto, e outras três crianças também ficaram feridas.

Carro da família foi crivado de balas – Foto: Colaboração

Por volta das 22h30 surgiu a informação de que uma das crianças feridas teria falecido quando era transportada para um dos hospitais de Ponta Grossa. O menino levou um tiro na cabeça. Os bombeiros confirmaram a lesão, mas não afirmaram o óbito. Nesse mesmo momento, a PM chegou a receber a informação de que um outro homem tinha sido baleado e morto a três ou quatro quadras desse local. De igual forma, não houve confirmação.

As informações iniciais dão conta que Robison e Danieli estavam chegando de carro e teriam sido surpreendidos pelo atirador na entrada da garagem da casa. O veículo teria sido alvejado por 30 ou 40 tiros, segundo levantamento preliminar realizado por policiais e Instituto de Criminalística. Uma das laterais do carro está crivada de bala.

As informações são do Portal aRede.info.

Leia Mais
Publicidade
COMENTÁRIOS

Comentários

Publicidade

Curta o 24Horas

EM 24HORAS >