24 C
Londrina

Pai pediu para filho se entregar depois de assalto: “Faça a coisa certa”

Leia também:

Policial morre em confronto durante assalto a banco em Telêmaco Borba

Bandidos estavam armados com fuzis e escopetas.

Homem traído pela mulher se pendura na rede elétrica no Centro de Londrina

Ele tentou suicídio, mas não sofreu ferimento algum.

Filha de Silvio Santos pede demissão do SBT

Nesta quinta-feira (20) a apresentadora do "Bom dia e Cia", Silvia Abravanel, filha de Silvio Santos, surpreendeu a todos com um pedido de demissão. A confusão começou quando Silvia ficou indignada com uma fake news, falando que sua equipe teria ficado dispersa no programa de segunda-feira (17), pois a apresentadora teria faltado. Na quarta-feira (19), Silvia chamou no palco, ao vivo, membros de sua equipe para justificar sua falta. 
Derick Fernandeshttps://www.24horas.com.br
O jornalista Derick Fernandes é editor chefe do 24Horas
- Publicidade -

A reportagem do 24Horas obteve acesso ao áudio enviado pelo pai de Elio Junior Matias, de 23 anos, apontado como um dos assaltantes que atacaram uma mulher na manhã desta quarta-feira (06) na Avenida Gil de Abreu e Souza, no Royal Forest, Zona Sul de Londrina. O crime foi filmado por câmeras de segurança instaladas no condomínio.

LEIA TAMBÉM:

A rápida ação da Polícia Militar (PM) identificou a motocicleta usada no crime, que seria do pai de Elio. Ao receber a notícia sobre a participação do filho no crime, ele pediu que o filho se entregasse.

Junior, quando eu era criança eu respondia por você. Eu preciso que você se entregue, que você faça a coisa certa. O resto é consequência dos seus atos. Você me disse um dia que quando precisasse pagar, você ia pagar. Agora é hora, filho. De você crescer, de virar homem […] Mostre que você virou homem e assuma seus erros […] Você vai ter que pagar pelo que fez“, disse chorando.

OUÇA O ÁUDIO

CRIME

Elio Junior Matias pilotava a moto utilizada no assalto. O comparsa dele, que segue foragido, aplicou uma grava na mulher que estava indo até um ponto de ônibus. Segundo apurado pela reportagem, diariamente, ele viaja do distrito de Paiquerê até o condomínio, na Zona Sul de Londrina, para trabalhar.

Os bandidos levaram a bolsa contendo documentos e o dinheiro da mulher. Ela só não teve o celular levado, porque jogou o aparelho sobre o muro do condomínio.

VEJA O VÍDEO:

Assine nossa Newsletter

Receba diariamente as principais notícias do Paraná e do Brasil.

Comentários

#Face24H

- Publicidade -