fbpx
PUBLICIDADE
MaringáPolícia
URGENTE
Tendência

Sobrinhas são suspeitas de matar tio por herança em Mandaguari

A vítima foi atingida por  três disparos, e não resistiu aos ferimentos, vindo a falecer no portão de sua residência.

MARINGÁ- Nesta sexta-feira (18), Onório Watanabe foi encontrado morto no portão de sua residência em Mandaguari, região metropolitana de Maringá. Duas irmãs, uma de 24 anos e outra de 32 anos foram presas por serem suspeitas do crime.

Segundo a Polícia Civil, Andressa Watanabe de 24 anos, foi a casa do tio e o chamou no portão, e ali teria atirado. A vítima foi atingida por  três disparos, e não resistiu aos ferimentos, vindo a falecer no local.

Consequentemente a autora do crime teria fugido do local, mas logo depois foi encontrada e presa junto com a irmã Hellen Watanabe de 32 anos.

Em suma o delegado Adriano Garcia diz, “Não localizamos a arma de fogo. A irmã também foi presa porque teria dado carona para a suposta autora do crime até o local.”

As irmãs não tinham passagem pela polícia, e podem ser acusadas de homicídio qualificado. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para retirar o corpo.

“Conforme apuramos com um familiar, o crime teria ocorrido por divergências por conta de herança . Vamos pedir um exame residuográfico para comprovar se foi ela que atirou”, salienta o delegado.

 

Leia também

Botão Voltar ao topo
Fechar