SIGA O 24H

Londrina e região

Deputados entram com ação para barrar reajuste da água no Paraná

Processo está em análise no Tribunal de Justiça

Publicado

em

Os deputados federal Emerson Petriv e o estadual Matheus Petriv protocolaram uma ação popular que pede que a Justiça determine a suspensão imediata do reajuste de 12,13% na conta de água dos paranaenses. O aumento foi homologado pela Agência Reguladora do Paraná (Agepar), órgão subordinado ao Governo do Estado.

Matheus Petriv (PROS), conhecido como Boca Aberta Júnior, também protocolou na tarde desta terça-feira (23) na Assembleia Legislativa do Paraná, em Curitiba, um pedido para que o governador Carlos Massa Ratinho Jr. (PSD) seja convocado para explicar o aumento acima da inflação na tarifa de água.

Boca Aberta Júnior – Foto: Divulgação / ALEP

“O povo paranaense não votou em diretor financeiro nem em Agepar. Votou no Ratinho Jr”, disse em áudio enviado ao 24Horas.

Em Brasília, o pai de Matheus, o deputado federal Boca Aberta (PROS/PR) também questionou o reajuste concedido à Sanepar. Ele discursou na sessão do último dia 17 e criticou duramente Ratinho Jr, que está em viajem à China nesta semana.

ASSISTA:

GOVERNO NÃO REAGE

A posição polêmica dos deputados não gerou até o momento nenhuma reação por parte do governo. O reajuste da água provocou críticas a Ratinho Jr, que disse que a decisão do aumento cabe aos diretores da Agência Reguladora do Paraná.

O aumento também provocou reações negativas de prefeitos do Paraná. Ao menos quatro prefeituras determinaram proibição do reajuste por motivos diversos.

Até o fechamento da reportagem, o recurso ainda não havia sido julgado pelo TJ-PR.

Publicidade
Publicidade

Curta o 24Horas

EM 24HORAS >