SIGA O 24H

Política

Mulher diz que foi ameaçada e xingada por Boca Aberta

Deputado negou acusações e publicou um vídeo onde afirma que feirante será processada.

Publicado

em

LONDRINA – O deputado federal Boca Aberta protagoniza, mais uma vez, outra polêmica. Agora envolvendo a feirante Rita Cássia, que trabalha todos os domingos vendendo produtos agrícolas na Feira do Cinco Conjuntos, que acontece na Avenida Saul Elkind, na Zona Norte.

Tudo aconteceu no último domingo, quando Boca Aberta e sua equipe gravavam um vídeo na Feira do Cincão.

Enquanto fazia a gravação, logo em frente ao escritório montado por ele, uma mulher passou a criticar o deputado. Segundo a feirante, Boca Aberta estaria usando sua influência para agregar mais gente à feira. O problema é que essas pessoas não teriam alvará e seriam ligadas ao deputado federal.

Junto com seus assessores, o deputado então ouviu as críticas da mulher e direcionou sua atenção a ela: “Quem tá falando que eu sou bandido, é mais bandido do que eu” rebateu.

Os ânimos se exaltaram, e outro feirante, marido da mulher, pediu para que o deputado respeitasse a posição dela. “Respeito, vamos respeitar. Respeita ela” ponderou ao deputado, que mesmo assim, continuou discutindo acaloradamente com Rita, e afirmando que ‘ela havia acolhido o deputado Cobra Repórter’, que no ano passado, protagonizou outra discussão com Boca Aberta na feira.

PUBLICAÇÃO

Rita foi às redes sociais, e publicou uma postagem onde afirmava que havia sido ameaçada e agredida verbalmente por Boca Aberta. O deputado respondeu o post com um vídeo, onde ele nega as acusações e afirma se tratar de uma ‘fake news’ (notícia falsa).

Após a publicação do deputado, Rita desativou seu perfil no Facebook devido aos inúmeros comentários ofensivos que recebeu, e reativou mais tarde, sem a postagem.

O vídeo de Boca Aberta já passa dos 200 compartilhamentos.

ASSISTA:

Publicidade
Publicidade

Curta o 24Horas

EM 24HORAS >