26 C
Londrina

No primeiro ano de Ratinho Junior, governo investe apenas 40% do orçamento previsto

Investimentos no estado ficaram abaixo do esperado.

Leia também:

Bruna Marquezine expõe sua magreza em carnaval e é alvo de muitas críticas

A atriz Bruna Marquezine tem sofrido com severas críticas relacionadas a sua magreza. Durante o carnaval, com roupas mais a mostra, ela expôs uma magreza acima do normal. Os seguidores que viram cliks da atriz não perdoaram, e chegaram a questionar a respeito da saúde de Bruna. 

Bloco Bafo Quente arrasta 50 mil foliões pelas ruas de Londrina

Terça-feira a festa continua com a paradinha do trio.

Homem traído pela mulher se pendura na rede elétrica no Centro de Londrina

Ele tentou suicídio, mas não sofreu ferimento algum.
Redaçãohttps://www.24horas.com.br
Reportagens da Redação 24Horas
- Publicidade -

No ano de 2019, a gestão Ratinho Júnior (PSD) planejou investir R$ 6,2 bilhões no Paraná, mas acabou o ano empenhando apenas 40% deste valor. Foram exatos R$ 2.545.787.494,45, segundo o balanço orçamentário publicado na quarta-feira (29) no Diário Oficial do Estado (DOE).

Ainda que gestores públicos refiram-se a todo tipo de gasto público como “investimento”, incluindo a folha de pagamento dos funcionários, apenas os gastos deste tipo que estão contidos na rubrica “despesa de capital” correspondem, em tese, a incrementos na máquina pública.

O Relatório Resumido da Execução Orçamentária (RREO, para os íntimos), que ocupa 64 páginas da edição 10.615 do DOE, traz também várias outras informações relevantes sobre o ano passado no Paraná. Por exemplo, que a administração empenhou durante o ano R$ 50,2 bilhões para quitar suas despesas, abaixo do programado, que era desembolsar R$ 56,9 bilhões. Sendo que R$ 47,6 bilhões foram de fato liquidados no ano, ficando R$ 2,6 bilhões em dívidas do ano passado para serem efetivamente pagos em 2020.

Ou que o orçamento para a Segurança Pública, estimado em R$ 4,5 bi para o ano passado, teve empenhos de R$ 3,8 bi, perfazendo 85% do previsto. Bem diferente dos valores dedicados às política de trabalho e emprego, que se o orçamento fosse seguido à risca teriam recebido R$ 47,9 milhões, em vez dos R$ 16,3 milhões empenhados no ano – apenas 34% da estimativa orçamentária. Outra funções tiveram resultado baixo, como Urbanismo, cuja dotação foi elevada para R$ 810 milhões durante o ano, mas acabou 2019 com R$ 395 milhões empenhados (48%).

Há duas formas para acessar o documento. Se você prefere baixar a edição integral do Diário Oficial do Estado, clique neste link. Mas faça isso utilizando o navegador Mozilla Firefox, pois a página da Imprensa Oficial está com certificados vencidos e pode acabar barrada no Internet Explores ou Google Chrome. Pode ser que mesmo no Mozilla seja preciso adicionar uma exceção de segurança para buscar a edição 10.615. Outra forma é aguarar mais alguns dias para baixar o RREO do último bimestre de 2019 direto da Secretaria da Fazenda, neste link aqui, quando a página for atualizada.

Plural.jor

Assine nossa Newsletter

Receba diariamente as principais notícias do Paraná e do Brasil.

Comentários

#Face24H

- Publicidade -