Política

Ratinho Júnior descarta mudança de sede para Curitiba com fusão do Iapar

Governador confirmou que empresa gerada a partir da fusão de autarquias ligadas à Agricultura pode ser instalada em Londrina

CURITIBA – O governador do Paraná, Ratinho Júnior (PSD), voltou a falar sobre o seu projeto de unificação das empresas de assistência técnica e pesquisa agrícola vinculadas à pasta da Agricultura durante reunião com lideranças londrinenses no Palácio Iguaçu, em Curitiba (PR), na manhã desta quarta-feira (9).

Embora tenha admitido que o Instituto Agronômico do Paraná (Iapar) consta na lista das autarquias que entrarão nesse processo de centralização, o governador negou rotundamente a possibilidade de a nova empresa gerada a partir de tal fusão ter sua sede em Curitiba e confirmou que analisa a hipótese de instalá-la em Londrina, onde o Iapar se situa desde sua fundação.

“Chegou a sair um boato na cidade de que seria extinto o Iapar. Nunca nem se cogitou isso, até porque o Iapar é um órgão muito importante, tem centenas de cientistas e pesquisadores, é um órgão que ajuda muito o Estado há muitos anos”, esclareceu Ratinho.

“O que nós estamos fazendo é um estudo. Não se trata só da área de agricultura, mas de todas as áreas, que é a unificação de algumas autarquias, para empoderar essas autarquias, mas mantendo suas sedes, seus pesquisadores”, acrescentou ainda o dirigente estadual.

Além do Iapar, estarão contempladas também no processo de unificação planejado por Ratinho Júnior autarquias como o Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), o Centro Paranaense de Referência em Agroecologia (CPRA) e o Companhia de Desenvolvimento Agropecuário do Paraná (Codapar).

Com informações do jornal Folha de Londrina.

Publicidade
DEIXE SEU COMENTÁRIO!

AGORA NO 24H:

Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios