fbpx

Enfermeira morre após ser atropelada na Zona 5, em Maringá

Ela tinha acabado de ser contratada para trabalhar em hospital

Urgente

Um grave acidente tirou a vida da enfermeira Cristiane Luzia Terezio da Fonseca Dias, de 37 anos, na manhã desta sexta-feira (23) na Avenida Rio Branco, em Maringá. A mulher chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital Bom Samaritano.

Conforme os Bombeiros, o acidente aconteceu no cruzamento da Rio Branco com a rua Santa Joaquina de Vedruna, na Zona 5. A enfermeira estava no canteiro central, e no momento que se preparava para atravessar a faixa de pedestres, foi atropelada por um carro em alta velocidade.

Após acertar a vítima, o GM Corsa ainda atingiu uma caminhonete que cruzava a avenida e prensou Cristiane entre os dois veículos. Ela sofreu várias fraturas, além de ferimentos graves na cabeça e ficou desacordada. A enfermeira também sofreu traumatismo craniano com exposição de massa encefálica. Ao dar entrada na UTI do Hospital, a mulher sofreu várias paradas cardíacas e morreu.

Foto: André Almenara

O motorista do Corsa, identificado como Vinicius de Maria e Silva, de 35 anos, foi detido pela Polícia Militar (PM) e levado à Delegacia de Polícia Civil, na Avenida Mandacaru. No depoimento, ele disse que perdeu o controle do veículo quando tinha acabado de fazer uma rotatória para subir a Rio Branco. O acidente foi registrado por uma câmera de segurança, e mostra que o carro estava em alta velocidade quando atingiu a mulher.

Cristiane havia acabado de ser contratada pelo Hospital Santa Rita, e trabalharia na ala SUS. Ela tinha feito exame admissional na quinta-feira (22).

VEJA O MOMENTO DO ACIDENTE

Leia também

Botão Voltar ao topo
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar